Por: Renata Rodrigues Data: 11 abril, 2015 Em: Blog, Loja Virtual Comentários: 4

Renata Rodrigues
da Kasterweb

Atualizado em 16/09/2015 às 15h02

capa-lojaO que postar da minha loja virtual nas redes sociais?

Agora que sabemos que E-commerce e rede social se dão super bem, qual seria o segundo passo? Publicar conteúdos na sua página, seria muito óbvio e claro, porém até para fazer postagem é preciso de organização e planejamento.

Existem 4 itens básicos que você precisa aderir à sua loja se tratando de redes sociais, são eles:

1. Vitrine;

2. Imagem e Conteúdo;

3. Contato com o cliente;

4. Promoções.

Cada um deles são imprescindíveis para a divulgação da sua marca, ter acessos, compartilhamentos e claro, ganhar a atenção do consumidor. Por isso, já pense em algo que venha-o surpreender e que seja objetivo!

1. Vitrine da loja virtual:

Bom, na vitrine da loja virtual, de início, o recomendado é um site mais modesto, com plano básico de hospedagem, porém se o seu negócio já é algo de grande potencial, podemos aprimorar e inovar as suas idéias e, aprender novas formas de criar um visual diferenciado.

Para isso, um processo precisa ser cumprido, por isso é tão importante manter foco e ter um planejamento, dependendo, pode até encurtar esse tempo de divulgação e desenvolvimento. Porém dependerá também do seu produto, se é algo que vai brilhar – de primeira, ou terá um trabalho árduo e ainda assim multiplicar, é essencial você saber que há essas possibilidades.

Outro fator que devemos levar em conta é a sua comunicação, que deve ser eficaz e atraente, tente conhecer seu público alvo ao máximo para poder atender às suas necessidades e juntando essas especiárias à rede social, o e-commerce destaca-se entre as outras.

2. Imagem e Conteúdo:

Esse quesito é muito significativo, pois é preciso pensar nos conteúdos imagens que serão postagens. É atrativo colocar imagens dos produtos ou dos serviços que está oferecendo. Atenção! Não coloque qualquer foto, seja cauteloso, pois a imagem do post dirá quem você é. De preferência uma imagem clara e com textos objetivos, por exemplo, se for postar no facebook ou twitter, cheque a questão da linguagem, tanto do texto como da foto, se fazem sentido.  Nesses casos, pede para uma, duas ou até três pessoas lerem o conteúdo.

E claro, para ter visibilidade você tem também a oportunidade de usar as ferramentas de busca e otimização onde o empresário sobressai se comparado a outras formas de divulgação.

 

3. Contato com o Cliente:

Bom, não adiantaria ter uma vitrine ‘top’, imagem e conteúdo bacana se não manter contato com o seu e-consumidor. Assim que os conteúdos são postados, consequentemente vem os comentários e com isso você tem a oportunidade de conhecer os gostos e estilos das pessoas que procuram pelo seu produto.

E e cada postagem você pode inovar, brincando de forma moderada com o seu público, até tratando-o como um amigo que tem muita afinidade.

Olha só que grande chance de conquistar o público, e você pode aperfeiçoar esses conteúdos de forma mais clara e cativante, tudo de acordo com o pedido e aderindo essas ‘’idéias’ aos seus produtos.

4. Promoções:

Esse ponto é o grande ‘up’ da sua marca! Promoções são excelentes estratégias para atrair clientes. E, claro que ele deve ser pensada, divulgada da forma mais simples e objetiva possível nas redes sociais e na sua loja virtual também. E não é porque a mensagem é simples que não pode ser diferente, pois é aí que você ganha, fazendo de forma especial.

O que não deve fazer? Escrever mensagens longas, usar cores diferentes e sem sincronia e pior de tudo enviar os posts sem sentido.

Seria interessante programar em horários diferentes e alternativos,  o Facebook, Twitter e Google+ tem essa maravilhosa opção.


Ainda tem dúvidas? Comente!!!

Trackback URL: https://www.kasterweb.com.br/blog/o-que-postar-da-minha-loja-virtual-nas-redes-sociais/trackback/

4 Comentários:

  • debora.lobbo@hotmail.com'
    Débora Lobo
    11 janeiro, 2019

    Renata. Tenho uma loja virtual de moda feminina, como estou no começo meu estoque ainda não é tão vasto, como posto geralmente quando chega as novidades fico na dúvida do que postar nas outras semanas, para ter todo dia conteúdo. Mesmo não postando todas as novidades de uma vez, tem dias que não tenho nada novo pra postar, fico na dúvida se devo repetir, se olposto só dicas, enfim é uma duvida.

    Responder
    • Vinicius Tarouco
      15 janeiro, 2019

      Sim, todo o início requer um tempo até que esteja consolidado o estoque, no entanto existem algumas estratégias diferentes que podem ajudar neste meio tempo nas redes sociais. Você pode pegar uma agenda online com dias especiais que remetem a roupas para criar um post chamativo por exemplo. Porém o ideal seria realizar alguns pacotes, por exemplo, fazer uma postagem com 2 peças separadas e dar um desconto de 2% no valor, mesmo que não seja uma novidade. O importante é lembrar que no Facebook você deve criar uma necessidade de compra, já que as pessoas entram no face para se divertir, e não para comprar (já que quando o internauta possui algum desejo de compra em mente ele geralmente acaba buscando no Google).

      Responder
  • debora.lobbo@hotmail.com'
    Débora Lobo
    15 janeiro, 2019

    Renata, tenho uma loja online de roupa feminina, como estou no começo o estoque não é tão vasto, posto sempre que chega novidade, mas queria saber o que postar nos outros dias, porque por mais que procuro dividir as postagens das mercadorias, tem momentos que fico sem nada de novo pra postar e não sei como alimentar a página, se repito as fotos, se coloco só dicas, e enfim.

    Responder
    • Vinicius Tarouco
      15 janeiro, 2019

      Bom dia Débora! Tudo bem? = )

      Sim, todo o início requer um tempo até que esteja consolidado o estoque, no entanto existem algumas estratégias diferentes que podem ajudar neste meio tempo nas redes sociais. Você pode pegar uma agenda online com dias especiais que remetem a roupas para criar um post chamativo por exemplo. Porém o ideal seria realizar alguns pacotes, por exemplo, fazer uma postagem com 2 peças separadas e dar um desconto de 2% no valor, mesmo que não seja uma novidade. O importante é lembrar que no Facebook você deve criar uma necessidade de compra, já que as pessoas entram no face para se divertir, e não para comprar (já que quando o internauta possui algum desejo de compra em mente ele geralmente acaba buscando no Google).

      Responder

Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *